Header Ads

Apostas de Futebol 1xBet banner

Cruzeiro entre a cruz e a espada

Foto: Juarez Rodrigues / E.M / D.A Press

É, amigos. A situação do Cruzeiro não é nada fácil.

Na noite do último domingo, amargamos mais uma apresentação sofrível em 2019, culminando com uma derrota por 2x0 contra o Alt. Mineiro.

Com isso, alcançamos ainda uma enormidade de números negativos em nossa história, algo impensável, inadmissível para um clube da grandeza do nosso Cruzeiro Esporte Clube.

Nos últimos 17 jogos oficiais, saímos com apenas 1 vitória, no jogo de ida das quartas-de-final da Copa do Brasil. No mais, foram 7 empates e 8 derrotas. Considerando apenas o Campeonato Brasileiro, são 10 jogos sem sair com os 3 pontos; a última vitória foi um 2x1 contra o Goiás, em Maio. Na classificação, estamos na zona de rebaixamento, com 10 pontos em 39 disputados: 25% de aproveitamento. Além disso, chegamos a 7 partidas consecutivas sem marcar um gol sequer.

A nossa frustração é ainda maior quando lembramos que, no meio do caminho, aconteceu nossa eliminação da CONMEBOL Libertadores contra o River Plate, nos pênaltis, após dois jogos com placar de 0x0.

Ademais, fora de campo, convivemos com inúmeras denúncias de irregularidades, com a falta de comando e de gerência financeira da diretoria. O Cruzeiro virou um cabide de empregos, um clube gerido por pessoas mais preocupadas com seus próprios interesses do que com o futuro da instituição. Enquanto milhares precisam gastar seu suado dinheiro para comprar um ingresso, ou pagar sua mensalidade de sócio torcedor, outros são privilegiados com milhões de reais em ingressos doados. É desanimador.

Para agravar, todo esse contexto afetou diretamente o desempenho do clube. Jogadores importantes e que, até pouco tempo atrás, já foram titulares da nossa equipe foram embora, sem que houvesse uma reposição. Lucas Silva, Lucas Romero, Raniel, Rafinha e Murilo saíram e deixaram nosso elenco mais enfraquecido.

Soma-se a isso, o fato de que jogadores, como Edilson e Rodriguinho, estão entregues ao Departamento Médico há longa data e de que o técnico Mano Menezes não consegue mudar o panorama; nada que ele tenta fazer funciona em nossa equipe atualmente. Já passou de um problema apenas de estilo de jogo, para algo maior. Muitos jogadores já não rendem como o esperado e não conseguem produzir nada. Não tem uma tabela, uma jogada ensaiada, o time não finaliza. Por isso essa dificuldade tão grande para fazer gols.

A gota d’água foi a última partida, contra o Alt. Mineiro. Nosso treinador deixou o cargo à disposição da diretoria, caso eles quisessem demiti-lo. A diretoria não aceitou e decidiu pela continuidade do trabalho. É uma situação complicada, a meu ver, já que deixa transparecer que o próprio Mano Menezes já não tem plenas confianças de que conseguirá reverter essa situação desfavorável.

E, se optarmos pela troca de treinador, será que uma diretoria tão omissa conseguiria encontrar um substituto decente em tão pouco tempo? Eu considero que o ciclo do Mano no Cruzeiro chegou no seu limite; não sei se ele consegue fazer algo diferente. No entanto, a troca somente seria interessante no caso de um bom substituto. Do contrário, a nossa situação pode ficar bem pior.

Gente, é muito preocupante! O time do Cruzeiro parou de jogar futebol e entrou em uma fase terrível! Já estamos muito distantes do pelotão da frente, para imaginar qualquer tipo de conquista no Brasileirão e, infelizmente, nossa realidade será a luta pelos 45 pontos, para sobreviver na Série A.

Na próxima quarta-feira, estaremos na disputa de mais uma semifinal de Copa do Brasil, contra o Internacional. A partida será no Mineirão. Pensando apenas nos números frios, são mais 4 jogos para a glória de um heptacampeonato. Um valor de premiação que nas mãos de gente séria e competente poderia melhorar nossa situação financeira. Do outro lado, no entanto, a situação no Campeonato Brasileiro é de tirar o nosso sono e não podemos deixar de lado a briga para nossa permanência na primeira divisão.

Estamos, realmente, entre a cruz e a espada. Temos a possibilidade de uma conquista importante, a única chance de título grande nesta temporada, mas estamos em uma crise de confiança muito grande. Será que os jogadores vão corresponder ao nosso apoio ou permaneceremos com o mesmo futebol pífio de outros jogos? Será que eles entendem a situação e tentarão revertê-la?

Vou além: mesmo com um título, será que o nosso desempenho no Brasileirão vai melhorar? Vale lembrar que em após nossas conquistas em anos anteriores, o Cruzeiro levou o Campeonato Brasileiro sem muito esforço, apenas para cumprir tabela. Em 2019, isso não é possível. O sinal de alerta já está mais do que ligado nos lados da Toca da Raposa. 

O momento só nos permite uma coisa: voltar a vencer. Só isso pode nos tirar de uma situação incômoda e momentânea de Z-4 e série negativa. É hora do vai ou racha. E isso não vai acontecer sem uma mudança drástica de comportamento e desempenho, seja do técnico, seja dos jogadores.

No entanto, não é o suficiente para garantir o nosso futuro. Cabe à diretoria colocar a cara a tapa e aparecer. Ou só querem os holofotes durante as conquistas? Está na hora de aparecer e dar satisfações ao torcedor, de promover mudanças para o bem do clube. Quem está ali apenas por benefício próprio deve ser retirado e gente competente colocada no lugar. Não podemos esperar nada menos do que isso.

Não podemos, também, exigir nada mais de nossa torcida. Estamos lá nas arquibancadas, com o nosso grito, o nosso apoio, mas não vemos a reciprocidade do outro lado. O técnico não consegue fazer algo diferente, os jogadores se acomodaram e pararam de jogar, a diretoria se omite e não pensa no futuro da instituição. Assim, infelizmente não devemos ter grande público nesta quarta-feira, na Toca 3. Os guerreiros que forem, estejam preparados. Não esperem um grande futebol do Cruzeiro, nada disso. Mas que tenha, pelo menos, a raça e a entrega de todos. 

E vocês, o que querem? Troca de treinador, reforços para o elenco? Tem que trocar todo mundo, inclusive da diretoria? Qual a expectativa para o jogo de quarta? Tem uma escalação de preferência? Pode soltar o desabafo aqui!

Vamos acordar, Cruzeiro!

16 comentários:

  1. Olha , eu sou Flamenguista , mas de uns tempos pra cá também venho lendo notícias sobre o Cruzeiro , e realmente é inacreditável a situação do clube , quando eu vi que a primeira rodada do Mengão no Brasileiro seria contra o Cruzeiro , após o clube vir com aquela série maravilhosa do campeonato mineiro , eu pensei , pronto! , já vamos começar o campeonato com derrota , mas nem eu acreditei quando o placar estava marcando 3 a 1 para o Flamengo sobre o Cruzeiro , gigantes se conhecem e ao longo daquele mês de maio a gente se perguntou ? , o que aconteceu com o Cruzeiro ? , uma queda brusca e sem motivo nenhum , a coisa piorou ainda mais quando vieram as denúncias , que novamente deixaram a gente de queixo caído com uma coisa que nunca imaginaríamos no Cruzeiro , bem , hoje a situação é essa , e a gente que é gigante não pode deixar de dar força para outro gigante , eu sou Rubro Negro e desejo que dias de paz e alegria voltem á toca da Raposa , saudações de um gigante para outro gigante !

    ResponderExcluir
  2. O time vem jogando com esta mediocridade desde que o Mano Menezes assumiu o Cruzeiro, e tem como espinha dorsal jogadores como Henrique, Robinho e Thiago Neves. Em algumas situações tivemos heróis que já não estão na Toca, como Hudson e Raniel. Em outros, foi mais a mediocridade dos outros do que nossa competência. Lembrem-se que ganhamos uma Copa do Brasil sem ganhar de praticamente nenhum grande (só nos pênaltis). Agora, as equipes grandes e médias estão mais organizadas e melhor treinadas, portanto, vamos sofrer com este futebol horroroso. Para piorar, entra a moleza do Ariel outra vez no meio de campo. Este time não tem condições de competir com nenhum outro time no meio campo. Sem falar do horrendo Egídio, avenida para qualquer treinador inteligente! Vai ser este sofrimento até o final do ano!!! Dificilmente passa pelo Internacional, e não tem com este futebol condições de competir com Grêmio ou Atlético paranaense. Se conseguir numa retranca danada e milagres do Fábio, quem sabe novamente nos pênaltis. Parece a seleção do Parreira, vai ser campeão, mais as histórias sobre os campeonatos vai ser pobre e pouco empolgante para quem gosta de futebol, de vencer o adversário por praticar o futebol com imposição da categoria e raça.

    ResponderExcluir
  3. Quando eu era garoto e montava times para disputar os campeonatos entre vilas lá nos subúrbios de Santa Luzia, escolhia jogadores de pegada e não gostava daqueles que ficavam jogando bonitinho, mas não lutavam por um bola. Isto que está faltando ao Cruzeiro.

    ResponderExcluir
  4. O que está acontecendo com o time do Cruzeiro não tem nada a ver com as desonestidades da diretoria anterior e atual. São duas coisas diferentes que ´só agora , após as denúncias, se acumularam mas sim com o estilo medíocre e assumidamente retranqueiro do Mano Meneses, um técnico supervalorizado e incapaz de mudar ou alterar seus pífios esquemas táticos e preferências por jogadores " cascudos" ( leia-se em idade avançada, acomodados física e financeiramente e desmotivados pois não têm concorrência interna devido às escolhas equivocadas do treineiro de currículo pífio). De 2017 prá cá os jogadores "cascudos" estão 2 anos mais "cascudos" e milionários. A base nunca foi valorizada por ele e jogadores que não fazem parte da panela, como Romero, reserva de jogadores medíocres como Henrique, Cabral e Edilson e Raniel com certeza foram orientados por seus empresários que não teriam chances reais no Cruzeiro e já saíram. A saída de Rafinha, Murilo e Lucas Silva foram reforço técnico e economia. Fraquíssimos. Só quero ver se o Cruzeiro ( espero que não) estiver ano que vem na 2ª divisão onde estarão o Manobol, com o contrato vencido e sua panela de jogadores "cascudos". Com certeza vão fugir como ratos de um barco que afunda. Fora Mano, Itair, Batoré e Wagner.

    ResponderExcluir
  5. Muito triste ver meu Cruzeirão Cabuloso nessa situação! Quando em 2018 essa diretoria com o Itair Machado assumiram o Meu Time , já sabia que não veria coisas boas . Olhem o histórico do cara no Ipatinga !. Mas fomos campeões em 2018 e ficou tudo bem . A diretoria fazendo negociatas escusas e quebrando ainda mais o Cruzeiro. A bomba estourou e passamos de um time vencedor para um time caloteiro que atrasa salários. Juntando a isso , o Mano com seu estilo ante-futebol, enquanto estávamos ganhando , tudo bem....mas agora não dá mais ! Esse ano teremos que nos juntar para escapar do vergonhoso rebaixamento , e só! Fazer pressão para retirar essa diretoria BANDIDA e começar um 2020 digno da história , com um novo técnico , claro.

    ResponderExcluir
  6. Só tenho uma pergunta: Onde está a diretoria, que não dá a cara pra bater? Não estou vendo nenhuma atitude da mesma para contornar tal situação. Não dá para acreditar que um time do início de temporada, que ganhava tudo, estava sobrando na libertadores, chegue a este ponto. Acho que estão tentando derrubar o treinador, que não é bobo e colocou seu cargo à disposição da diretoria, já que tem uma multa rescisória bem elevada. Pq ele não pediu demissão???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Porque ele não pediu demissão.
      Era isso que eu escrever.
      Porque, como a diretoria atual, é um mercenário e quer receber a multa contratual.
      Está tudo errado no Cruzeiro.
      Mas não só esse treineiro horroroso. Se os jogadores tivessem honra, fariam a parte dentro de campo, mesmo contrariando esse sujeito ultrapassado, arrogante, mercenário.
      Não acredito que alcançaremos a CP.
      É a permanência na série A está cada vez mais difícil.
      Estou pensando seriamente em cancelar minha cota na Sede Campestre.
      Não tenho clima para frequentar lá com essa diretoria incompetente.

      Excluir
    2. CP não, desculpe. CB. Copa do Brasil

      E a permanência na série A está cada vez mais difícil.

      Excluir
    3. CP não. Desculpe. CB Copa do Brasil.
      E a permanência na série A está cada vez mais difícil.

      Excluir
  7. Com certeza essa diretoria é responsável pelo péssimo momento no clube. Pessoas como batoré oportunista, Itair 171 assumido, o Presidente e a cúpula de oportunistas que ele carrega entraram no clube para se garantirem financeiramente. Com tretas e mamatas, levaram o clube em 2018 com um plantel otimo e agora em 2019 estourou a bomba. Como um Batoré , conhecido em BH por ser de má indolé, trabalhe em um clube serio? Um Valdir Barbosa que contratou RIASCOS? Um estelionatário famoso em todo Brasil, virar vice presidente?
    Os jogadores ja ricos se acomodaram e para piorar tem a influencia do FRED, um verdadeiro criador de panelas e pessimo jogador a muito tempo. Junta-se a isso um técnico teimoso , paneleiro e assumidamente medroso, que detesta gols. Dá nisso ai.. dificilmente não cairemos... o Grupo é fraco a diretoria corrupta, e ainda tem o mal elemento do Fred.

    ResponderExcluir
  8. Uai, deixaram a arrogância de lado!?

    ResponderExcluir
  9. Este Colunista, de qualidade discutível, caso não queira escrever o nome do Clube Atlético Mineiro da forma correta, se abstenha.
    Em tempos de tanta intolerância, desrespeitar uma instituição não é o caminho ideal para pacificar o país.
    Tenha respeito com os leitores.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sr. "desconhecido". Repasse essa sua pertinente reclamação para os "colunistas de qualidade discutível" que representam seu clube neste veículo de comunicação e, por pura inveja, despeito e clubismo raso, constantemente desrespeitam o Cruzeiro Esporte Clube, a maior instituição desportiva de Minas Gerais (e uma das maiores do país e do mundo) e que realmente seria a única que" honra o nome de Minas no cenário esportivo mundial" não fosse o também gigante Minas Tênis Clube.
      Faço minhas as suas corretas palavras : "Em tempos de tanta intolerância, desrespeitar uma instituição não é o caminho ideal para pacificar o país.
      Tenham respeito com os leitores." Passar bem.

      Excluir
  10. Pede ao almofadinha do atleticano JAECI seu colega para sequer falar no Cruzeiro. Pede pra ele esquecer o maior de minas. O cara hipócrita. Devia falar só sobre seu time de coração.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.