Header Ads

Estádio

Inaugurado em 5 de setembro de 1965, o Estádio Governador Magalhães Pinto – o Mineirão – nasceu com capacidade de público inferior apenas à do Maracanã, no Rio de Janeiro. O único mandante do Estádio hoje, é o Cruzeiro Esporte Clube.
Além de palco do futebol, o Mineirão é também um monumento da capital mineira. Sua fachada é tombada pelo Conselho do Patrimônio Histórico de Belo Horizonte e se integra ao conjunto arquitetônico da Pampulha, projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer. A arena está, assim, inserida em um dos principais polos de lazer e cultura da cidade, onde o paisagismo e a arquitetura se unem em um verdadeiro cartão postal.

Estatísticas

O maior público presente em uma partida de futebol, na história do Mineirão, foi em 22 de junho de 1997
, no jogo entre Cruzeiro e Villa Nova, válido pela final do Campeonato Mineiro. Com um público total de 132.834 pessoas presentes, registrou-se o recorde do estádio e também do estado de Minas Gerais. O público pagante foi de 74.857 pessoas. O recorde de público pagante da história do Mineirão foi registrado em 4 de maio de 1969 no clássico entre Cruzeiro e Atlético, com 123.351 pagantes.

Imagem relacionada

Tecnologia do Blogger.