Header Ads


Uma dor de cabeça (das boas) para Mano Menezes

Foto: Sergio Roberto Oliveira/Light Press/Cruzeiro
Agora é para valer. Nesta terça-feira, o Cruzeiro inicia a sua caminhada em busca do tricampeonato da Copa Libertadores. A partida contra o Racing, em Avellaneda, promete ser muito complicada. O time argentino tem jogadores de boa qualidade e apresenta um bom futebol. Além disso, é uma equipe muito difícil de ser batida dentro dos seus domínios.

O Cruzeiro começou o ano muito bem e, por isso, acredito que o nosso treinador tenha algumas dúvidas para a escalação do time que irá iniciar a partida na Argentina. Atualmente, podemos dizer que temos um ótimo grupo de jogadores, no qual a maioria tem plenas condições de titularidade. E isso é excelente, já que dificilmente um time consegue bom desempenho sem um elenco de qualidade.

Alguns têm a preferência do técnico e da torcida. Se eu fosse arriscar um time para a estreia, seria este: Fábio, Edilson, Léo, Murilo e Egídio, Henrique, Ariel Cabral e Robinho, Arrascaeta, Rafinha e Fred. Mesmo assim, nada é garantido, e o desempenho de alguns jogadores durante essa temporada, além do histórico recente de outros, pode fazer com que Mano altere uma peça ou outra.

Thiago Neves é um jogador decisivo e o considero titular. Como ficou um tempo sem jogar, para recuperar a boa forma física, e voltou contra o Boa Esporte, pode ser boa opção. Mancuello tem feito ótimas partidas, com gols e assistências, e mostrou que pode atuar na posição de Ariel Cabral ou de Robinho, pela direita ou pela esquerda. Lucas Romero sempre tem boas atuações, mostra garra e honra a camisa celeste.

Além deles, temos outras boas opções, como os zagueiros Dedé, Manoel e Digão, o lateral esquerdo Marcelo Hermes, o goleiro Rafael, o atacante Raniel, o volante Lucas Silva, temos jogadores que ainda podem mostrar um pouco mais, como o atacante Rafael Sóbis, que pode ser bem mais decisivo e mais participativo em jogos importantes, e o volante Bruno Silva, que ainda não mostrou a que veio, e temos aqueles que ainda não tiveram oportunidades, ou por opção do treinador, como o atacante Judivan, ou por estarem entregues ao Departamento Médico, como os atacantes David e Sassá.

Diferente de outros anos, o Cruzeiro tem boas opções no elenco e, com isso, Mano Menezes consegue “rodar” mais o seu grupo de jogadores e implementar diferentes maneiras de jogar. Como estamos na disputa de muitas competições durante a temporada, essa “rodagem” será fundamental. E, vamos falar a verdade, é muito melhor quando olhamos para o banco de reservas e temos alguém que pode entrar e decidir um jogo. Em outros tempos, não tínhamos esse privilegio.

Mas, no final das contas, apenas ter bons jogadores à disposição não é o suficiente. Vamos precisar de muito trabalho, dedicação aos treinamentos, muita concentração, muita garra e muita tranquilidade, para não cair nas provocações e na catimba adversária. Libertadores é isso; nunca será fácil. Não podemos, de jeito nenhum, menosprezar os nossos adversários. Já fomos derrotados, mesmo em momentos de favoritismo.  

Que nossa caminhada rumo ao tri da América se inicie com uma grande atuação e, quem sabe, com uma grande vitória. Será de extrema importância que consigamos marcar pontos fora de casa e que ganhemos todos os jogos no Mineirão. Para isso, vamos continuar com esse apoio, dentro ou fora de casa. A ansiedade está grande, a expectativa está lá no alto. Que chegue a terça-feira, e sem dor de cabeça para nenhum de nós! Para cima deles, Cruzeiro!

4 comentários:

  1. levante como foi a transacao do tony anderson com o gremio... se tem passe fixado.. abs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde. Obrigado por comentar. Eu não tenho informações a respeito das negociações do clube, em termos de valores, passe fixado, contrato, essas coisas. O que vi no noticiário, falava sobre empréstimo com passe fixado, mas desconheço valor. Também não vi nenhuma notícia oficial do Cruzeiro. Mas, se soubermos de alguma coisa, podemos comentar aqui. Um abraço

      Excluir
  2. Passe pré fixado em 500 mil, com total de 50% do passe e direitos federativos ao Grêmio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde, Samuel. Obrigado pelo comentário. Essa questão de valores, percentual de passe, não saiu nada oficialmente do Clube. Tem apenas alguma coisa na imprensa, mas algumas notícias desencontradas. De qualquer maneira, é algo que o Cruzeiro deveria divulgar mesmo.

      Excluir

Tecnologia do Blogger.