Header Ads


O Vestibular no Cruzeiro de Mano Menezes

Foto: Washington Alves/Light Press/Cruzeiro
No próximo domingo, será o primeiro dia das provas do Exame Nacional do Ensino Médio, o Enem. No mesmo dia, às 17 horas, no Gigante da Pampulha, o Cruzeiro encara o Atlético/PR, em partida válida pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Com uma chance muito remota de alcançar o título, mas com pretensões de terminar em uma boa colocação, receber um dinheiro a mais de premiação e ter melhores condições de caixa para contratação de reforços, fica a dúvida: o técnico Mano Menezes promoverá ou não um vestibular no elenco cruzeirense?

No gol, contamos com dois grandes goleiros: Fábio e Rafael. Outro jogador disponível para a posição e que, inclusive, já recebeu uma chance no time profissional é Lucas França. No momento, dificilmente Fábio perderá a posição de titular. O experiente goleiro voltou de lesão e vem jogando em altíssimo nível, mas, quem sabe, Lucas França não receba uma chance até o final do campeonato.

Uma das preocupações de nós, torcedores, é em relação à lateral direita. Ezequiel tem sido o titular na maior parte da temporada e, nas últimas partidas, não apresentou um bom desempenho ofensivo e, principalmente, defensivo. Por outro lado, Rafael Galhardo foi contratado pelo Cruzeiro no final de Julho, se tratou de lesão e ainda não fez a sua estreia com a camisa do Maior de Minas. Como tem contrato apenas até o final de Dezembro de 2017, seria uma boa a sua utilização nos 7 jogos restantes, para uma avaliação da comissão técnica e, até mesmo, da própria torcida.

Outra preocupação que sempre pairou pela cabeça dos torcedores celeste é em relação à dupla de zaga. Durante o ano, Mano Menezes experimentou diversos jogadores e as mais variadas formações. Na conquista da Copa do Brasil, especificamente na reta final, a dupla utilizada foi Léo e Murilo. No entanto, com a lesão dos dois titulares e a volta de Manoel, Digão recebeu mais chances e mostrou que pode ser útil no próximo ano. Ainda assim, um jogador que ainda não recebeu muitas oportunidades e está aguardando nova chance é o jovem Arthur, que entrou em jogos da Copa da Primeira Liga e mostrou um bom potencial.

No meio de campo, tivemos muitas baixas por lesões e suspensões. Para a próxima partida, especificamente, não contaremos com Ariel, Hudson, lesionados, e Lucas Romero, suspenso. Robinho ainda volta de lesão e, provavelmente, não terá condições de atuar os 90 minutos. Com a indefinição sobre o futuro de Lucas Silva e, além disso, pelo seu desempenho abaixo do esperado quando é acionado nas partidas, pode ser a chance para Nonoca ganhar mais tempo de jogo. O jovem volante jogou poucas vezes durante o ano, mas teve o futebol elogiado pelo torcedor celeste.
Outro jogador que ainda não teve muitas oportunidades de jogar é o argentino Alexis Messidoro, que veio na negociação da venda de Ramón Ábila para o Boca Júniors, mas entrou poucas vezes em campo. Precisa de ser melhor aproveitado, para que saibamos se podemos contar com ele ou não para a Libertadores.

No ataque, no momento, estamos com muitas baixas. Raniel e Sassá estão lesionados, Rafael Sóbis está sendo negociado, Alisson e Arrascaeta não estão nas melhores condições físicas. No último jogo, por exemplo, o atacante mais avançado do time foi Rafael Marques que, infelizmente, ainda não mostrou futebol que o credenciasse a um lugar no time titular. Em algumas partidas, o meia Thiago Neves chegou a desempenhar o papel do tão comentado “falso 9”. Contra o Palmeiras, o jovem Jonata foi relacionado e compôs o banco de reservas. Vale o teste dele no lugar de Rafael Marques?

Há alguns dias, o Cruzeiro conquistou o tetracampeonato do Brasileiro sub-20. O time apresentou bons valores e, alguns deles, poderiam ser testados pelo técnico Mano Menezes até o final do ano. Como a pré-temporada de 2018 será reduzida, pelo calendário bem apertado pela Copa do Mundo, esses jogos restantes do Brasileirão 2017 podem servir para que consigamos definir quem realmente tem condições de fazer parte do plantel para o ano que vem, além de definir as posições de prioridade para contratações.

E você, torcedor celeste, qual a sua opinião? O Cruzeiro deveria realizar testes até o final da temporada, ou deve se concentrar em garantir um lugar entre os primeiros colocados do campeonato e ganhar um valor maior de premiação? 

15 comentários:

  1. Concordo com sua proposta. A partir de agora, e até o final do ano - não significa abandonar a possibilidade de uma colocação melhor, inclusive até mesmo a conquista do título, muito embora esse seja remotissino,deve ser utilizado pela comissão técnica para fazer os últimos testes avaliativos com jogadores pouco utilizados na temporada e para certificar sobre os que devem mesmo ser negociados em definitivo pelo clube.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo, sylviomc. Acredito que seja viável fazer alguns testes e, ainda assim, colocar um time forte para ganhar os jogos até o final do ano. Vamos ver se Mano Menezes conseguirá fazer isso.

      Excluir
  2. acho que poderiam testar os laterais do sub-20 mesmo contratando para ambas as posições.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade. No sub-20, temos bons valores. Como estamos com esse problema na lateral, acho q principalmente na esquerda, seria interessante testar.

      Excluir
  3. Penso que o Cruzeiro deve se reforçar na lateral, no meio campo e no ataque. Um centroavante goleador. Marcelo Moreno, por exemplo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Moreno é um dos especulados, né Lavínia? Nesta época há muita notícia, muitos nomes serão comentados. Mas, é isso mesmo, lateral, meio campo e ataque precisam de reforços, com certeza.

      Excluir
  4. O caixa do Cruzeiro não permite deixar de lutar por uma premiação melhor.
    Então, todo cuidado deve ser dado à essa reta final de campeonato. Mas isso não quer dizer abdicar de testar jogadores. Só que alguns, como Rafael Marques por exemplo, nem deveriam ser citados.
    Só uma humilde opinião.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, Italo. O dinheiro da premiação ajudaria bastante. Já daria, por exemplo, para manter Hudson e Diogo Barbosa, e contratar um ou dois bons jogadores. Eu esperava o Cruzeiro brigando por posições melhores, mas, infelizmente, algumas derrotas nos prejudicaram. As duas últimas, contra Coritiba e Atlético, nos afastaram até da vice liderança. Realmente, Rafael Marques é dureza de aguentar. Na minha lista de dispensa, é o primeiro a sair!

      Excluir
  5. Thiago, na minha opinião o Cruzeiro deveria jogar com o time principal e buscar vencer os 7 últimos jogos do campeonato. Não concordo com a entrevista do Mano, ao final do jogo contra o Palmeiras, em que ele disse que não poderiam iludir o torcedor do Cruzeiro, pensando em título. Acho que esse comentário expressou o que de fato ocorreu durante todo o ano: nunca houve um desejo real de buscar os títulos (ainda bem que ganhamos a Copa do Brasil, mesmo com esse time fraco que temos!!!). Assim, não vejo que tenha que testar jogadores. O técnico sabe muito bem quem é cada um deles, pois treina a equipe toda semana. O que nós cruzeirenses queremos é simples: Fora Lennon, Ezequiel, Lucas Silva, Rafael Marques, Rafael Sóbis, Alex, Bryan, Ariel Cabral, Elber, além de "botar no banco" Henrique (só joga pra trás e erra milhões de passes), Murilo (muito lento), Alisson (atacante que não sabe marcar gol e, ultimamente, sem força), Hudson (também muito lento), Arrascaeta (desligado na maioria dos jogos) e Rafinha (só começou a jogar mais no final do ano, pra tentar se garantir). Assim, precisamos para entrar de vez no time titular de um zagueiro, um lateral direito, um volante rápido pra jogar ao lado do Romero (que pra mim é o nosso melhor volante), um armador e dois atacantes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, Marco. Levantei essa questão de testar ou não, para ver as opiniões mesmo. É uma decisão que o técnico poderá tomar e, como você enumerou, alguns jogadores poderiam ser negociados, com certeza. Mesmo assim, não acho o time tão fraco como você disse. Concordo, sim, que o time poderia ter feito melhores partidas e que, se tivessem levado mais a sério o Campeonato Brasileiro, as chances de titulo seriam bem maiores. Se pensar que perdemos jogos contra Bahia, Chape, Ponte Preta, Coritiba, todos times que estão na parte de baixo na tabela, empatamos muitos jogos em casa. Pontos que fazem falta no final. Acredito que precisamos nos reforçar em todos os setores: zaga, lateral, meio e ataque. No entanto, temos bons jogadores na categoria de base e não tiveram chance (Sim, também há muito perna de pau, na base), mas pior que Rafael Marques, não é possível que sejam!!

      Excluir
  6. Também acho que deve por o Galhardo para jogar meio tempo, Rafael Marques não precisa mais de teste, nem Bryan, poe o garoto da base para jogar, Messi Doro não precisa também esse veio só passear e conhecer o maior de minas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu queria ver o Galhardo jogar também. Não faz sentido contratar o cara, com contrato até o final de 2017, e depois não colocar pra jogar. Acredito que ele possa ser boa opção para compor o grupo. Rafael Marques e Bryan, concordo que deveriam ser negociados. Messidoro, uma incógnita. E temos bons jogadores na base, só saber a hora de utilizar

      Excluir
  7. Cruzeiro está cheio de "bagaças", realmente fora: Bryan, Alisson, Elber, Cabral, Lucas Silva, Rafael Marques, Sobis, Ezequiel, Lennon..... pelo AMOR DE DEUS e de toda Nação AZUL do Maior de Minas. Jogaram onde ????

    ResponderExcluir
  8. Com certeza,o Cruzeiro deveria realizar testes até o final da temporada

    ResponderExcluir
  9. Runaway earthling is being hunted down by the FBI,and i d`ont know why.He is definitely INNOCENT!Muito bom assunto,temos que entrar preparado em 2018,ano que pode nos dar o precioso TRI da LA.Confio no comando para a avaliação dos jovens e contratações,porém sei que é impossivel ter onze jogadores perfeitos em campo.Como vc disse,o resto do BR deve ser um laboratório,mas com cuidado para ficar entre os primeiros y ganar mucho dinero.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.