Um grande planejamento passa pelas mãos do Diretor de Futebol: A chegada de Mazzuco!

(Foto: Igor Sales/Cruzeiro)

    O ano de 2020 foi um ano de decepções para a torcida Cruzeirense. Ninguém imaginaria que o Cruzeiro não iria conquistar o acesso para a série A de 2021, mesmo sabendo a situação do clube por causa dos acontecimentos inadequados das diretorias anteriores. Um dos motivos desse desastre, foi a contratação e manutenção do antigo Diretor de Futebol Deivid de Souza. Ex-jogador de futebol, o ex-atacante tentou se tornar técnico de futebol e também outros cargos esportivos em clubes, mas não obteve sucesso. Então, resolveu se tornar Diretor, sem experiência, sem formação superior, apenas um curso à distância... Se tornou Diretor de Futebol do Cruzeiro Esporte Clube. O que se seguiu foram péssimas contratações, duas sendo absurdas, como o atacante Roberson (que tem mais anos completos a gols), e o jogador Matheus Índio, que ninguém nunca ouviu falar e estava vindo para o clube sabe-se lá de qual maneira. Tanto a torcida criticou que os contratos foram encerrados.


Segundo informação publicado pelo site Esportudo, até o momento Mazzuco já agregou ao elenco do Cruzeiro com as seguintes contratações: Eduardo Brock, Marcinho, Matheus Barbosa, Alan Ruschel, Felipe Augusto, Matheus Neris, Zé Eduardo, Gui Mendes e Bruno José. Outros atletas estão em negociação, todas com a aval do técnico Felipe Conceição.

Deivid ainda segue no clube, mas em outro setor. A esperança da torcida Cruzeirense é que ele NÃO tenha controle sobre contratações, ficando exclusivamente a frente de André Mazzuco, que possui formação e competência técnica para assumir o cargo de maior responsabilidade dentro do clube.

A esperança é que o ótimo trabalho se mantenha e que 2021 o Cruzeiro possa dar a volta por cima, e voltar para a primeira divisão, lugar onde nunca deveria ter saído.

5 comentários:

Tecnologia do Blogger.